Musicas 2016 - 2017

Top 10 Músicas Funk Março / Abril 2015 VoTop

Te ensinei Certin – MC Ludmilla

Terceiro single de ‘Hoje’, álbum de estreia de Ludmilla. A música foi escrita pelo Trio Ternura.

Vou desafiar Você – MC Sapão

Um dos funks hits do verão 2015. A música foi relançada em uma nova versão no EP ‘Sapão’, lançado em março de 2014. O EP reuniu sucessos do cantor e a inédita ‘Rei do Baile’.

Segue o Fluxo – MC Gui Part. MC Kapela

Single do primeiro CD e DVD do cantor, ‘O Bonde é seu’, lançado em agosto de 2014.

Ritmo Perfeito – Anitta

Terceiro single do álbum ‘Ritmo Perfeito’, lançado em 2014. Escrito por Anitta, Umberto Tavares e Jefferson Junior.

Sou dessas – Valesca Popozuda

Novo single da funkeira, que será lançado oficialmente na segunda quinzena de março de 2015, mas já caiu na rede. A novidade é que a música possui elementos orientais.

Posso ser – Lexa

Primeira música de trabalho de Lexa – nova aposta no cenário do funk brasileiro.

Relaxa – MC Guime

Composição de Guilherme Dantas, a música foi lançada em janeiro de 2015 na iTunes Store e na Google Play.

Santinha – Dennis Part. Buchecha

Produção do DJ e produtor Dennis, ‘Santinha’ tem participação especial de Buchecha nos vocais.

Parara Tibum – MC Tati Zaqui

MC Tati é mais uma cantora a se destacar no estilo funk ousadia. Apesar de já ter lançado algumas músicas, ‘Parara Tibum’ é a primeira música a se tornar hit. Com melodia de ‘Hegh-ho’, música original do longa ‘Branca de Neve e os Sete Anões’, sua versão não tem nada de inocente.

Boquinha – MC Biel

Primeira música de trabalho de MC Biel, representante do funk sedução.

Vote em sua música preferida do Top 10 Músicas Funk Março / Abril 2015 VoTop? Acesse o VoTop, vote e crie seu próprio top clicando AQUI.


About Flavia Resende

view all posts

Redatora, revisora e tradutora de conteúdo.

1 Comments on this post

  1. Chrissy,This is a question that I have been aiskng myself. I’m in the middle of my own grief process. I’m not sure there’s any right or wrong way to learn how to live without a loved one. It’s such an individual experience. I like to talk about my feelings, it helps me move through them. Some people, like my husband, are more internal and prefer journaling or visiting a cemetery. I also go through days where I feel fine and then others where I’m really sad. Your dad was a huge part of your life and you may always miss him. That sounds normal. Find what works for you and brings joy, like maybe an activity you used to do together or a new holiday tradition that honors his memory and life. I think the important thing to remember is that your grief won’t look like everyone elses.

    Gretta /

Deixe um comentário